Voltar

A OMEGA e a Apollo 13: 50 anos depois

Recordamos os 14 segundos entre o sucesso e o fracasso

Quando um tanque de oxigénio explodiu a bordo da missão Apollo 13 em 1970, colocou os astronautas numa situação verdadeiramente perigosa. Entre os vários desafios enfrentados pela tripulação, houve uma combustão de 14 segundos necessária para regressarem a casa. Felizmente, contavam com a ajuda de um certo cronógrafo.

Reviva o salvamento

“Sem temporizadores digitais, o Speedmaster desempenhou um papel vital.”

O CRONÓGRAFO LENDÁRIO

SPEEDMASTER MOONWATCH

Tendo merecido a confiança dos astronautas em todas as seis alunagens, bem como da tripulação da Apollo 13, o icónico Speedmaster Moonwatch mereceu realmente o seu lugar na história da exploração espacial.

Descubra o relógio

A tripulação e o equipamento

A tripulação, comandada pelo astronauta veterano James Lovell, partiu rumo à Lua. Esta pretendia ser a terceira alunagem humana de sempre e o capítulo de sucesso seguinte do projeto Apollo. Juntamente com o Piloto do Módulo de Comando Jack Swigert e o Piloto do Módulo Lunar Fred Haise, cada um dos três astronautas estava equipado com cronógrafos OMEGA Speedmaster Professional – parte do equipamento oficial da NASA para todas as missões tripuladas desde 1965.

Fotografias da NASA cortesia de nasaimages.org